Edição MS | 11 de janeiro de 2019 - 08h34

Vídeo “Marmitinhas de Sonora” teria levado adolescente a tirar a própria vida

Os vídeos “marmitinhas” tem viralizado em várias cidades de Mato Grosso do Sul, principalmente na região norte. Já existem registros em Coxim, Rio Verde e Sonora. Só que os autores dessa brincadeira irresponsável não calcularam o estrago que isso poderia causar.

Uma adolescente de Sonora teria tirado a própria vida depois de ter sua foto incluída num desses vídeos, intitulado “Marmitinhas de Sonora”. A jovem estava morando em outra cidade quando foi ridicularizada num vídeo da cidade.

É tudo muito recente. A família não quis detalhar o ocorrido. O fato é que essas montagens, que ultrapassam os limites da razoabilidade, já fez pelo menos uma vítima na região norte de Mato Grosso do Sul.

Até quarta-feira (09) a Polícia Civil não tinha sido procurada para registros de ocorrências sobre os vídeos, porém, a escrivã que falou com nossa reportagem informou que estavam ciente do conteúdo dos vídeos.

Questionada sobre a morte da adolescente, ela disse que não tinha conhecimento. Talvez pelo fato da menina ter tirado a vida em outro município. Informações extraoficiais dão conta que depois da tragédia a família voltou a morar em Sonora.

Em Sonora, além do vídeo “marmitinhas”, também fizeram um intitulado “Cornos de Sonora”. O conteúdo tem várias fotos, de jovens, meninos e meninas, com música ofensiva. Assim que for provocada, a Polícia Civil deve investigar o caso. O delegado Daniel Luiz da Silva não quis falar com a imprensa.

 
Subir ao TopoVoltar
PlataformaPlataforma de Notícias DothNews