Redação | 31 de outubro de 2018 - 10h10

Sogro de deputado eleito e vereadora estão na lista dos presos

Conforme informações extra-oficiais entre os presos da Operação Pregão que investiga fraudes em licitações na Prefeitura de Dourados estão a veredadora  Denise Portolann, ex-secretária de Educação e o secretário de Fazenda, João Fava, sogro do deputado estadual eleito Neno Razuk (PTB).

A Operação mira contratos viciados na secretaria Municipal de Educação e desde o início da manha o GAECO cumpre quatro mandados de prisão e 16 de busca e apreensão. A ação, denominada ‘Pregão’, tem por objetivo esclarecer a atuação de uma suposta organização criminosa composta por agentes públicos, políticos e empresários no município. A operação volta a assombrar a Prefeitura de Dourados em no  passado recente foi sucumbida com as Operações Owari e Uragano.

De acordo com nota encaminhada pelo Ministério Público Estadual, a ação é encabeçada pela 16ª Promotoria de Justiça local e conta com apoio de outras promotorias do órgão, além de policiais do Gecoc (Grupo Especializado no Combate à Corrupção), Bope (Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar) e DOF (Departamento de Operações de Fronteira), além da Defron (Delegacia de Repressão aos Crimes de Fronteira).

 

 
Subir ao TopoVoltar
PlataformaPlataforma de Notícias DothNews