Sidrolândia News | 23 de outubro de 2018 - 17h58

Pai que matou filho com tiro de espingarda também é foragido por violência doméstica

Ele mostrava o armamento para um amigo quando aconteceu o disparo

O homem foragido por matar o filho de 10 anos com um tiro acidental também tem mandado de prisão por violência doméstica, informou o delegado que investiga o caso Diego Dantas Santos. O caso aconteceu na semana passada, no lote 268 do Assentamento São Pedro, em Sidrolândia.

Conforme o delegado, assim como a morte acidente, o caso da violência doméstica está em segredo de justiça. “As equipes continuam no encalço do suspeito”, adiantou o delegado.

A polícia apurou no local que, Gerson Reinaldo da Silva mostrava a arma a um amigo. Neste momento, houve o disparo acidentalmente.

O tiro atingiu o ombro do filho, Vicente de Oliveira da Silva e a mesma bala atingiu o maxilar da criança. Vicente morreu antes que fosse socorrido. Em seguida, o pai fugiu.

“Como a arma não tinha registro o pai também vai responder por porte ilegal de arma se fogo”, explicou o delegado. Além disso, a arma, uma espingarda calibre 36 está apreendida.

 
 
Subir ao TopoVoltar
PlataformaPlataforma de Notícias DothNews