Versão para DesktopMS Notícias - Sua Refência em Jornalismo no MS
A meninas vitoriosas de MS
TERO QUEIROZ | 4 de fevereiro de 2020 - 08h45

Meninas de MS faturam o ouro no Sul-Brasileiro de Jiu-Jitsu

Uma de Costa Rica e outra da Capital

Giovanna Jara de Souza e Thaynara Victória Soares da Silva são as duas atletas sul-mato-grossenses que ganharam medalha de ouro no Campeonato Sul-Brasileiro de Jiu-Jitsu 2020, realizado no sábado e domingo (dias 1 e 2 fevereiro) no município de São José, em Santa Catarina. O torneio é promovido pela Confederação Brasileira de Jiu-jitsu (CBJJ).

As atletas de MS, são beneficiadas pelo programa Bolsa-Atleta, oferecido pela Fundação de Desporto e Lazer (Fundesporte), com aporte do Governo estadual. 

Giovanna, da Academia 67 Pantanal Association, é de Costa Rica, e levou a medalha dourada em duas categorias, na superpesado e absoluto (sem limite de peso), pela classe etária juvenil, com a faixa-azul. A atleta comemorou e disse que está motivada para mais campeonatos.  Ela se prepara, agora, para o Campeonato Mundial da modalidade, o World Jiu-Jitsu IBJJF Championship, que acontecerá em maio, em Long Beach, no Estado americano da Califórnia. 

Não é de agora a luta da atleta para conquistar seu espaço, Giovanna tem inúmeros triunfos em seu cartel de jiu-jitsu. É tetracampeã estadual, bicampeã brasileira pela CBJJ, tricampeã brasileira pela Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu Desportivo (CBJJD), campeã sul-americana e mundial pela CBJJD. Pelo Sul-Brasileiro, em 2019, a costarriquense foi campeã na categoria absoluto e prata na superpesado. 

Já Thaynara, que é campo-grandense de apenas 16 anos, da academia Cicero Costha Internacional, subiu com ouro pela divisão de peso leve, na classe juvenil, também na faixa-azul. “Meus treinos para esse campeonato foram intensos, mas graças a Deus deu tudo certo fui campeã e levo mais um título para casa”, comentou. 

Ela já foi campeã sul-americana de jiu-jitsu no final do ano passado e pode se orgulhar dos feitos da sua curta trajetória nos tatames: tricampeã brasileira, bicampeã mundial, bicampeã do Troféu Brasil, além de colecionar títulos em torneios pelo Estado. 

*Com assessoria.  

 
Subir ao TopoSubir ao TopoVoltarVoltar
PlataformaPlataforma de Notícias DothNews