Página Brazil/ Reproduzido por Tero Queiroz | 10 de outubro de 2018 - 14h51

Senad desarticula braço de organização criminosa que atuava na fronteira

Entre os presos está um suspeito de ser parte da liderança do Comando Vermelho

Agentes da Senad (Secretaria Nacional Antidrogas) do Paraguai iniciaram na manha desta quarta-feira (10/10), operação na região de Bella Vista Norte, município paraguaio que faz fronteira com o Brasil através de Bela Vista. A ação resultou na desarticulação de uma facção criminosa conhecida como ‘Samura’.

De acordo com o Porã News, o grupo é especializado no transporte aéreo de drogas do país vizinho as grandes cidades brasileiras e outros locais.

Ainda segundo o site, durante a operação foram presos dez integrantes da facção criminosa entre eles o líder do bando identificado como, Jorge Teofilo Samudio Gonzalez, o “Samura”, que seria o elo entre outras facções criminosas que atuam nos estados de Amambay, Canindeyu e Concepcion no Paraguai com possíveis ramificações em território brasileiro.

Samudio também é considerado um dos lideres do CV (Comando Vermelho) que teria se instalado na região de fronteira de Bela Vista. De lá, controlava as plantações de droga e o transporte a bordo de aeronaves ao território brasileiro.

A identidade dos outros presos durante a operação, não foram divulgados pela Senad que encaminhou os mesmos a base de operação na capital do Paraguai, Assunção.

Ainda de acordo com o departamento que investiga o narcotráfico, Jorge Teofilo Samudio é foragido da Justiça desde 2011 quando foi apreendido com 370 quilos de cocaína que seriam dele.

 
Subir ao TopoVoltar
PlataformaPlataforma de Notícias DothNews