Quadrilha que furtava trens em MS foi apresentada nesta quinta-feira (8)
Eliane Freitas e G1 MS/ Reproduzida por Tero Queiroz | 9 de novembro de 2018 - 11h18

Quadrilha de furtos a trens é presa em MS e Polícia calcula prejuízo de R$ 1 milhão

Foram recuperados 10 toneladas de milho e 2 mil litros de óleo diesel furtados dos vagões. A polícia também apreendeu comunicadores, munições e um revólver.

A Polícia Civil apresentou nesta quinta-feira (8) uma quadrilha especializada em furtar de cargas de trem, e que agia na região leste de Mato Grosso do Sul.

Onze pessoas foram presas durante a Operação batizada de "Trem da Alegria". A polícia chegou aos criminosos após um mês de investigações, que resultaram no cumprimento de 6 mandados de busca e apreensão em casas, fazendas e em uma empresa.

A polícia também apreendeu rádios comunicadores, um revólver, munições e celulares.

Foram recuperados 10 toneladas de milho e 2 mil litros de óleo diesel furtados dos vagões. Além disso, três veículos foram apreendidos. Um deles, na casa de Romário Antonio dos Santos, de 38 anos, apontando como chefe da quadrilha.

A polícia acredita que o grupo furtou cerca de 1 milhão de reais em grãos e óleo diesel. O delegado responsável pela investigação, Régis Daniel de Almeida Gonçalves, disse que o grupo agia há pelo menos seis meses. Os criminosos aproveitavam a parada das locomotivas em ponto específico para cometer os crimes.

"Nesse momento eles quebravam o lacre de um dos vagões e retiravam os produtos. Quando a locomotiva saia eles distribuíam esses produtos aos receptadores", disse o delegado.

 

 
Subir ao TopoVoltar
PlataformaPlataforma de Notícias DothNews