G1 MS | 6 de agosto de 2018 - 07h35

Músico é morto a tiros dentro de tabacaria outros dois foram baleados

Segundo polícia, ele foi socorrido e levado ao hospital de Três Lagoas (MS), mas não resistiu aos ferimentos.

Músico Jorge Edson, conhecido como Pele Negra de 27 anos, foi morto a tiros na madrugada deste domingo (05) em uma tabacaria de Três Lagoas, cidade a 325 km de Campo Grande. Segundo a polícia, outros dois homens de 18 e 21 anos também foram atingidos pelos disparos.

De acordo com a ocorrência, o crime foi por volta das 3h (de MS) quando houve um desentendimento entre clientes. O principal suspeito, de 24 anos, foi retirado do local após a discussão, mas retornou a tabacaria depois de 40 minutos.

Segundo a polícia, o suspeito acompanhado de outro rapaz foram barrados na entrada do local. Ele insistiu entrar e muito nervoso, conseguiu passar pela segurança e efetuou vários disparos dentro da tabacaria.

De acordo com o boletim de ocorrência, um segurança e um funcionário foram atingidos e encaminhados em estado grave para um hospital da cidade. O músico foi levado por amigos mas não resistiu aos ferimentos e morreu a caminho de atendimento médico.

De acordo com o boletim de ocorrência, Pele Negra tinha recém-chegado a tabacaria e a suspeita é que ele não tinha envolvimento algum com o autor dos disparos. A polícia solicitou imagens de segurança do local. Os suspeitos fugiram e até a publicação desta notícia ninguém havia sido preso. Eles irão responder pelo crime de homicídio qualificado.

Pele Negra

O músico nascido em Três Lagoas (MS) defendia o estilo Samba Rock. Lançou recentemente o clipe Menina Mimada. Ele também é compositor e tinha anunciado que viriam novidades através de musicas inéditas.

 

 
Subir ao TopoVoltar
PlataformaPlataforma de Notícias DothNews