GLAUCEA VACCARI | 5 de novembro de 2018 - 16h33

Após liberação para o tráfego, calçada da 14 é bloqueada para implantação de rede de gás

"Corredor" foi montado na pista para que pedestres possam passar

Após ser liberado para o tráfego de veículos, o trecho da avenida 14 de Julho, entre a Avenida Fernando Corrêa da Costa e a rua 26 de Agosto foi parcialmente bloqueado nesta segunda-feira (5), desta vez apenas nas calçadas. A interdição é para implantação da rede de gás natural, que está sendo executada na parte antiga da calçada, que não passou por obras do Reviva Campo Grande.

Conforme a Prefeitura de Campo Grande, para a execução dos trabalhos, não será necessário o bloqueio do tráfego e o acesso aos imóveis, tanto residências quanto comércios, não serão afetados. Para garantir o tráfego de pedestres, um corredor foi montado na pista de rolamento, sinalizado com cones e cartazes, para a passagem das pessoas.

Segundo a assessoria de imprensa da MS Gás, responsável pelo serviço, a estimativa é que cada quadra fique com a calçada bloqueada pelo prazo de três a seis dias.Os comerciantes que quiserem aderir ao gás natural, deverão entrar em contato direto com a empresa.

Após o fim das intervenções da MSGás no trecho, a empresa responsável pelas obras do Reviva, a Engepar, voltará para a mesma quadra, onde será feito o trabalho de interligação das tubulações de águas potável, águas pluviais, eletrodutos e caixas. Terminados estes serviços, começará o calçamento.

Ainda conforme a prefeitura, durante a época de fim de ano, as frentes de trabalho e calçamento estarão restritas somente entre a Fernando Corrêa e a Sete de Setembro e os serviços não vão afetar a fluidez do trânsito e fluxo de pedestres.

A requalificação da 14 de Julho prevê a modernização e implantação de gás natural, rede de hidrantes, wi-fi e CFTV, iluminação pública, sinalização viária e modernização semafórica.

Prazo para terminar as obras do Reviva é no dia 30 de novembro, mas o término total dos trabalhos é apenas no que vem, com o paisagismo, instalação de mobiliário urbano, câmeras de monitoramento e bicicletário.

LIBERAÇÃO

No dia 15 de outubro,  foi liberado o primeiro trecho para tráfego, entre a avenida Fernando Correa da Costa e a rua 26 de Agosto. 

O trecho entre as ruas Marechal Cândido Mariano Rondon e Maracaju foi liberado no dia 25 de outubro. 

O trecho é um dos mais movimentos da 14 de Julho, segundo a prefeitura. No local foram executados os serviços de infraestrutura, como rede de água, drenagem, esgoto, telefonia e tubulação para rede elétrica. 

* Colaborou Álvaro Rezende.

 
Subir ao TopoVoltar
PlataformaPlataforma de Notícias DothNews