Alba Luz Godoy Chavez, de 30 anos
Adriano Fernandes e Helio de Freitas/ Reproduzida por Tero Queiroz | 14 de novembro de 2018 - 09h44

Executada em frente de casa, Alba teria mandado matar autor da execução do marido

Há quase um ano o marido de Alba, Adib Morel Dutra, de 42 anos, também foi executado na cidade

Alba Luz Godoy Chavez, de 30 anos, foi assassinada a tiros por volta das 19h45 de ontem, terça-feira (13) na Rua 14 de maio no Bairro São José em Capitan Bado, cidade que faz fronteira com Ponta Porã, a cerca de 323 quilômetros de Campo Grande.

Há quase um ano o marido de Alba, Adib Morel Dutra, de 42 anos, também foi executado na cidade, enquanto os dois estavam juntos em frente a uma residência. As informações preliminares são de que Alba foi executada hoje, depois de supostamente ter mandato matar o mandante da execução do marido, ocorrido em 3 de dezembro de 2017.

Esta noite, Alba estava sentada em frente a uma vila de casa na rua, quando um pistoleiro chegou ao local e a atingiu com cinco disparos de pistola do calibre 9mm. A mulher morreu na hora e o criminoso fugiu em uma moto, conforme o site Porã News.

Agentes da Divisão de Homicídios da Polícia Nacional do Paraguai e da Polícia Técnica, periciaram o local e encaminharam o corpo da vítima ao IML (Instituto Médico Legal) da cidade a espera dos familiares.

Fonte: Campo Grande News. 

 
Subir ao TopoVoltar
PlataformaPlataforma de Notícias DothNews