FÁBIO ORUÊ | 4 de dezembro de 2018 - 15h43

Procon descarta 300 produtos armazenados irregularmente em conveniência

Estabelecimento pode ser multado em até R$ 50 mil

Depois de denúncia feita por consumidores, equipe da Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon), juntamente com o Programa Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor, da Polícia Civil (Decon), precisou descartar mais de 290 produtos que estavam armazenados fora da temperatura ideal, no começo da tarde de hoje (4), em conveniência localizada na Avenida Calógeras, entre a Avenida Afonso Pena e a rua 15 de novembro, no centro de Campo Grande.

De acordo com o superintendente do Procon, Marcelo Salomão, mantimentos que deveriam estar congelados estavam sendo vendidos somente resfriados. “Os produtos tinham que estar armazenados a -18°C e estavam armazenados a 0°C; a 1°C”, disse Salomão.

Entre os produtos  descartados estavam peixes, frangos, pães de queijo, entre outros que foram jogados fora na presença do responsável pelo local. O estabelecimento foi autuado e poderá ser multado em até R$ 50 mil.

Para Salomão, o cliente precisa tomar algumas precauções quando for adquirir um produto. “O consumidor precisa, além de verificar o preço, verificar se o produto está dentro do prazo de validade, se está guardado da forma correta, se a embalagem está correta”, alerta o superintendente.

 
Subir ao TopoVoltar
PlataformaPlataforma de Notícias DothNews